LGPD e GDPR impulsionam DINAMO Networks a exportar tecnologia brasileira de HSM

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entrará em vigor em 16/02/2020 e Regulamentação de Proteção de Dados da União Europeia (GDPR) já traz mudanças significativas para o mercado nacional e internacional.

O aumento das fraudes, os vazamentos de dados e os altos valores de multas que já estão sendo aplicadas pela nova legislação se tornaram pesadelos financeiros reais para os negócios. Segundo o relatório Lessons Learned from a Decade of Data Violations, que examinou 433 ataques de violação de dados, 86% dessas violações começam com ataques a identidades e a aplicações. Por conta disso, a DINAMO Networks, especialista em segurança de identidade digital e fabricante do cofre digital brasileiro (Hardware Security Module – HSM DINAMO), certificado pelo ITI e pelo INMETRO, tem ganhado atenção do mercado.

Reconhecida pelos projetos especiais de segurança de identidade digital para o mercado financeiro, governo, saúde, tribunais, escritórios advocatícios, empresas de contabilidade, entre outros segmentos,   a tecnologia brasileira está atraindo mercado internacional. Motivados pela expertise e o uso diferenciado da tecnologia de criptografia para as mais diferenciadas aplicações de segurança da informação e para as novas legislações de proteção de dados.

Atenta ao mercado a DINAMO Networks está investindo R$ 3.5 milhões para internacionalizar a operação, inicialmente, no Peru e Paraguai. O investimento está sendo aplicado na contratação de colaboradores, treinamento e ampliação de produtos e serviços, considerando a demanda de ambos os países.

As soluções de segurança de dados mesclam hardware e software e têm como diferencial a consultoria de projetos específicos. Em alinhamento com a certificação FIPS – certificação global de tecnologias para segurança digital – o vínculo com a regulamentação é outro atributo dos HSMs, que estão atraindo demandas internacionais.

A expansão da DINAMO Networks, via parceiros, abrange toda a América Latina e Europa. Já no Brasil, também haverá expansão agressiva. “ Nossa meta é fechar 200 novas parcerias com empresas de tecnologia e Certificadoras Digitais este ano”, revela Marco Zanini, presidente da DINAMO.

No Peru, a empresa que representa a DINAMO deverá movimentar R$400 mil com a comercialização das tecnologias brasileiras já no primeiro ano. Segundo o CEO da da companhia, as soluções básicas da DINAMO atendem desde uma pequena empresa até projetos públicos de alta complexidade. No Peru há duas Leis que regulamentam o uso da assinatura digital e proteção de dados.

Já no Paraguai, o foco da empresa é ampliar o uso de identidade digital no setor público. O canal que representa a DINAMO na região gerencia dois projetos com o Governo do Paraguai que demandará a comercialização de 12 mil mini HSM´s, DINAMO Pocket, dispositivo portátil para guarda e gerenciamento de múltiplos certificados digitais. “Nos últimos anos, com as Leis de proteção de dados as empresas estão se adequando a elas”, revela.

Vale ressaltar que os incidentes de segurança envolvendo dados pessoais são cada vez mais frequentes, representando riscos relevantes ao tratamento de dados para qualquer empresa. O recomendado é a prevenção na proteção desses dados e os HSMs são fundamentais para este objetivo corporativo.

Aqui no Brasil, a empresa também estima dobrar o crescimento de seu negócio em 2019, impulsionado pela nova legislação (LGPD).  Segundo o executivo, a legislação de proteção de dados e os avanços das obrigatoriedades no uso de Certificados Digitais, alinhados ao reaquecimento da economia, refletirão no crescimento do mercado de segurança de dados.

O mercado externo apresenta um potencial ainda maior que o Brasil quando o assunto é segurança de identidade digital. Com o novo programa de canais no Brasil, Europa e toda a América Latina, a DINAMO acredita que conseguirá disseminar ainda mais a  tecnologia de segurança de dados.

 

Sobre a DINAMO NETWORKS

Somos especialistas em segurança de identidade digital, prevenindo fraudes e perdas financeiras para as empresas. Fabricamos diversos modelos de Hardware Security Module (HSMs), ou, cofres digitais, para guarda segura e gerenciamento de certificados e chaves criptográficas. Nossos HSMs conferem sigilo e garantem integridade de informações críticas aos negócios dos clientes, por meio de diversas funcionalidades. Recentemente, a Dinamo Networks desenvolveu o primeiro HSM para pequenas e médias empresas, o Dinamo Pocket, que faz a guarda e a gestão segura de 200 certificados digitais.

Contate-nos

Tem alguma dúvida, sugestão ou quer solicitar um orçamento? Entre em contato conosco.

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt
0

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar