eSocial pode ser solução para otimizar processos burocráticos de direitos trabalhistas

Só quem já teve que fazer alguma requisição ao INSS ou qualquer outro serviço do governo sabe o quanto sofreu para conseguir a demanda. Com a burocracia, os processos são demorados, mas a falta de informações dos cidadãos também atrapalha o andamento das solicitações. Para resolver este problema, o eSocial está chegando e funcionará em benefício do FGTS, INSS e outros direitos do trabalhador.

O eSocial é um projeto do governo federal que tem como objetivo unificar o envio de informações do empregado de uma empresa para o governo.

Caso este serviço seja implantado em larga escala, a qualidade dos processos empresa/governo deve aumentar, como explica o diretor comercial da Lumen IT, Régis Lima.

— Isso vai fazer uma enorme diferença. As principais informações das áreas de RH, financeiros, jurídica, entre outros, serão transmitidas automaticamente para o governo, e com as informações regularizadas e entregues uma unica vez, pagamentos de FGTS, por exemplo são mais rápidos.

Hoje em dia, as informações dos empregados são enviadas de forma picada para o governo, ou uma mesma informação é entregue diversas vezes. Com o eSocial, a intenção é que essas práticas sejam extintas.

O custo de implantação do sistema varia, e depende da quantidade de trabalhadores de uma empresa. Quanto maior a empresa, mais caro o processo de transição. Porém, Lima afirma que a mudança é vantajosa.

— É um sistema que já foi estressado pelo governo, com uma bateria de testes nessa ferramenta. Imagine milhões de arquivos das empresas transitando por ele. É sistema bastante seguro.

O eSocial ainda não está totalmente implantado, mas é possível fazer o cadastro no portal do governo destinado ao serviço.

 

Fonte: R7

Posted in: