Contagem regressiva para o SPED social

Faltam cerca de seis meses para o início da implantação do SPED Social, mais um braço do Sistema Público de Escrituração Digital, que desta vez se propõe a reunir informações da folha de pagamento e das obrigações trabalhistas, previdenciárias e fiscais.

Também chamado de SPED Folha e EFD Social, o SPED Social deve começar a vigorar no início de 2014 para todas as empresas, embora ainda não tenha sido publicada regulamentação da nova obrigação acessória.

Para o presidente do SESCON-SP, Sérgio Approbato Machado Júnior, as empresas brasileiras devem se preparar desde já para a adaptação a mais esta novidade. “Como vem acontecendo com outras etapas do SPED, a EFD Social exigirá uma mudança cultural do empreendedorismo nacional, com capacitação de pessoal, revisão de processos e principalmente investimento em controles de gestão”, destaca o líder setorial, frisando que a qualidade e a consistência das informações corporativas tornam-se a cada dia mais importantes.

Outro alerta de Sérgio Approbato diz respeito ao alinhamento, cada vez maior, entre os empreendedores e as empresas de Contabilidade. “Os contribuintes devem ser esclarecidos de forma efetiva sobre os impactos da nova realidade fiscal brasileira”, afirma o empresário contábil, enfatizando que o SESCON-SP tem cobrado do governo uma campanha nacional de orientação sobre este tema.

Com o intuito de contribuir com as empresas de contabilidade e seus clientes a se adaptarem a esta nova realidade, o Sindicato lançou recentemente o Portal SESCONTECH, que disponibiliza soluções inteligentes em tecnologia da informação. Saiba mais em:http://www.sescontech.org.br/.

Fonte: Assessoria de Imprensa SESCON-SP

Posted in: