Governo anuncia menos imposto para o varejo e espera redução de preços

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou nesta quarta-feira a desoneração de impostos do setor varejista. Os estabelecimentos deixam de pagar a alíquota de 20% sobre o salário dos funcionários a título de recolhimento para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e passam a recolher 1% sobre o faturamento da empresa. De acordo com o ministro, as empresas deixarão de pagar R$ 5,7 bilhões ao ano pela desoneração do INSS, mas pagarão R$ 3,7 bilhões relativos a 1% do faturamento anual do setor. A desoneração ficaria assim em cerca de R$ 2 bilhões ao ano.

Segundo Mantega, o governo espera que essas desonerações sejam repassadas em forma de redução de preços para o consumidor, gere aumento de vendas e consequente aumento de contratações. O ministro afirmou que, entre os varejistas, apenas os supermercados não quiseram esse benefício.

As mudanças entram em vigor no começo de abril de 2013. Mantega disse que com a incorporação do setor de varejo hoje são 42 setores da economia que contam com desonerações de impostos. O ministro afirmou ainda que a ideia do governo é incorporar novos setores.

Fonte: Terra

Posted in: