Prazo para entregar a DIPJ de 2012 termina na próxima semana

O prazo final para o envio da DIPJ (Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica) de 2012 se aproxima. Os arquivos devem ser enviados até o dia 29.

A Receita Federal informa que já está disponível em sua página na internet (www.receita.fzenda.gov.br) a versão 1.01 do programa gerador, para correção de erro no transporte de valores da Ficha 07A nas declarações entregues em “situações especiais”.

A DIPJ deste ano contém alterações que devem ser observadas pelas empresas. Uma delas é a inserção das Fichas 04 d (Custo dos Bens e Serviços Vendidos – Critérios em 31 de dezembro de 2007) e 05 d (Despesas Operacionais – Critérios em 31 de dezembro de 2007).

As fichas devem ser preenchidas pelas pessoas jurídicas tributadas com base no Lucro Real (trimestral ou anual), observado o Regime Transitório de Tributação (RTT).

Outra mudança diz respeito à inclusão da Ficha 70 (Informações Previdenciárias), na qual foi adicionado campo para indicação de valores relativos à pessoa jurídica sujeita à contribuição previdenciária sobre receita bruta. Esta informação tem o intuito de efetuar o cruzamento com a EFD-Contribuições.

De acordo com Felipe Souza, gerente de suporte da Easy-Way do Brasil, fornecedora de soluções tributárias, o grande desafio para adaptação das companhias às novas regras é monitorar a legislação e conseguir cumpri-las em tempo hábil.

“O impacto é grande, principalmente, quando a empresa não consegue atender os requisitos de forma plena, ocasionando alto gasto financeiro, em função do não cumprimento dos prazos exigidos ou pela exposição em casos de fiscalização”, afirma.

O executivo explica que para evitar impasses com a Receita Federal, o profissional da área deve estar sempre atento para que a sua empresa não fique exposta a riscos fiscais.

“É necessário utilizar as ferramentas certas que suportem toda a realidade da empresa e esteja sempre alinhada com a legislação”, afirma, acrescentando que a Easy-Way tem soluções para atender as demandas dos contribuintes.

A entrega da DIPJ 2012 após o prazo definido acarretará multa de 2% ao mês-calendário ou fração, incidente sobre o montante do Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica informado na DIPJ 2012, limitada a 20% desse valor, além de multa de R$ 20,00 para cada grupo de dez informações incorretas ou omitidas.

O valor mínimo da multa corresponde a R$ 500,00. Ainda há previsão para redução no valor da multa em 50% quando a declaração for apresentada depois do prazo e antes de qualquer procedimento de oficio, e 75% quando a declaração for apresentada no prazo fixado pela intimação.

Fonte: TI Inside

Posted in:

Deixe uma resposta