Omissões à EFD supera a marca de 50% em Goiás

A Secretaria da Fazenda de Goiás informa que menos da metade das 19.800 empresas incluídas este ano na obrigatoriedade da Escrituração Fiscal Digital (EFD) geraram os arquivos.

A maioria deles é de pequeno porte. As empresas que não enviarem a documentação digital podem ser multadas. Já em relação aos estabelecimentos que entregam a EFD há mais tempo, a omissão gira em torno de 4%.

Outro problema detectado que 30% das EFDs recebidas apresentam problemas com a qualidade das informações, como falta de registros e divergências entre valores na escrituração e os informados na Nota Fiscal eletrônica (NF-e).

De acordo com a Secretaria da Fazenda, mais de 27.300 empresas entregam mensalmente o documento à pasta, que agora inicia trabalho para reduzir a omissão e o porcentual de documentos com problemas.

A empresa que entregar a escrituração com dados inconsistentes poderá ser autuada, alerta Marcelo Mesquista, gerente de Informações Econômico-Fiscais.

Segundo ele, algumas empresas entregam o arquivo “zerado”, sem qualquer movimentação para não pagar a multa da omissão. Mesquita explica que as empresas que estão irregulares podem fazer a retificação espontânea até o início da ação fiscal, sem pagamento de multa.

“Ao cruzar os dados vamos identificar as omissões de registros de operações e essas empresas serão autuadas”, afirma.

De acordo Carlos Gusmão, coordenador do SPED Fiscal, ficaram excluídos da obrigatoriedade de entrega da EFD os produtores agropecuários e extratores minerais que não possuem o credenciamento para emitir a própria nota fiscal, além do produtor rural pessoa física.

A Secretaria da Fazenda colocou nor o Portal Estadual do Conhecimento do Transporte eletrônico (CT-e), que pode ser acessado pelos contribuintes para processo de credenciamento, consultas e verificação da obrigatoriedade da emissão, a partir de setembro.

Através do portal o contribuinte pode saber a partir de quando sua empresa passa ser obrigada a emitir o CT-e.

Fonte: TI Inside

Posted in:

Deixe uma resposta