Em abril entrará em vigor nova versão do programa emissor do CT-e

Os contribuintes do Mato Grosso que atuam no ramo de transporte de carga devem ficar atentos à mudança de regras relacionadas ao Conhecimento de Transporte Eletrônico (CT-e).

A partir de 2 de abril será obrigatória a utilização da versão 1.0.4b do emissor do CT-e, conforme o Ato Cotepe ICMS 2/2011.

A Secretaria de Fazenda informa que a versão anterior do programa será válida até o dia 1º de abril. Quem que estiver com o emissor desatualizado não conseguirá emitir os documentos.

O novo Manual de Orientações do Contribuinte, com as regras da versão 1.0.4b, está disponível na internet (www.cte.fazenda.gov.br e www.sefaz.mt.gov.br/portal/cte/).

A nova versão está em produção (com validade jurídica) desde 1º de novembro do ano passado e em ambiente de homologação (sem validade jurídica) desde 1º de setembro de 2011 para que possam ser realizados os testes de adequação pelos contribuintes do ICMS obrigados a utilizar o referido documento fiscal.

FONTE: TI INSIDE

Posted in:

Deixe uma resposta