Paraíba registra aumento de 42% nas autorizações de NF-e

Balanço divulgado pelo Fisco da Paraíba revela um aumento expressivo de autorizações de Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) no Estado: o volume cresceu 42,08% no acumulado de 12 meses de 2011 em comparação a 2010.

Os dados são do Núcleo de Análise e Planejamento de Documentos Fiscais da Secretaria Executiva da Receita Estadual. Segundo o levantamento, entre janeiro e novembro do ano passado foram autorizadas 14,139 milhões de NF-e contra 9,951 milhões no mesmo período de 2010.

As estatísticas da Receita Estadual mostram, ainda, que, englobando todas as notas fiscais eletrônicas autorizadas nos 12 meses dos dois anos (11,188 milhões), o crescimento foi de 26,37% até novembro de 2011.

Já considerando a média mensal nos 11 meses dos dois anos, o número subiu de 904,6 mil mensais em 2010 para 1,285 milhão em 2011.
Além de grandes segmentos econômicos que passaram a adotar com mais intensidade a NF-e como a indústria e o setor atacadista/distribuidor, dois outros fatores contribuíram para o crescimento de NF-e autorizadas.

Desde dezembro de 2010, as empresas que fazem compras e operações interestaduais são obrigadas a emitir a NF-e.

Em abril deste ano, as empresas que vendem produtos aos órgãos públicos paraibanos também tiveram que adotar a NF-e para concretizar suas vendas.

Para Leonilson Lins, diretor de administração da Secretaria Executiva da Receita Estadual, a adoção da NF-e “é um processo irreversível dentro do processo de modernização adotado pelo Fisco nas três esferas” e destacou o interesse das empresas pela emissão.

Ele destaca, ainda, que o sistema de NF-e tem validade jurídica garantida pela assinatura digital do remetente, simplificando as obrigações acessórias dos contribuintes e permitindo, ao mesmo tempo, o acompanhamento online e de forma mais detalhada as operações realizadas pelas empresas.

Fonte: TI Inside

Posted in:

Deixe uma resposta