Ampliada utilização da nota fiscal de serviços eletrônica

A partir do dia 1º deste mês, a emissão da nota fiscal de serviços eletrônica (NFS-E) tornou-se obrigatória para mais um grupo de empresas. Elas estão incluídas nos itens 9 e 17 do decreto 605/2011 que estabelece o cronograma de implantação da NFS-E. São empresas de hospedagem, turismo, viagens, apoio técnico, administrativo, jurídico, contábil, comercial e congêneres. No dia 1º de abril, serão incluídas as empresas do item 14, que atuam em serviços relativos a bens de terceiros. Como o novo procedimento mexe com o dia adia e a cultura das pessoas,foi implantado gradualmente, para garantir a segurança dos procedimentos tecnológicos e operacionais.

Cadastramento

O diretor de Administração Tributária da Secretaria da Fazenda, Lainor Siviero, esclarece que para emitir a nota eletrônica, a empresa deve se cadastrar no www.e-nfs.com.br/canoas, onde constam todas as orientações. Acrescenta que os tomadores de serviço também devem se integrar ao sistema. Para esses, no entanto, o prazo se encerra em 30 de junho de 2012.

Lançado em 15 de junho de 2011 pelo prefeito Jairo Jorge, a NFS-E já é utilizada por 596 empresas, que emitiram 48.900 notas.
NFS-E

596 empresas no sistema
48.900 notas emitidas
Crédito da notícia: Eloá da Rosa

Fonte: Correio do Brasil

Posted in:

Deixe uma resposta