Cibercrime usa vários meios para atacar

Após confirmação do vazamento de informações de 77 milhões de usuários da rede PlayStation Network (PSN), o especialista da Kaspersky Lab, Tim Armstrong, publicou uma análise sobre o fato, destacando a mudança de comportamento dos cybercriminosos. Segundo Tim, o golpe evidencia o interesse dos invasores em novos caminhos para adquirir informações pessoais.

“Enquanto não está claro que métodos foram usados para comprometer a rede Playstation, é evidente que os invasores estão se interessando em alguns novos caminhos para a coleta de informações pessoais. É também evidente neste caso que a Sony não fez esforço suficiente para proteger os dados do usuário”, diz Armstrong.

Segundo o executivo da Kaspersky, esta é a nova evidência de que os ataquess estão se tornando cada vez mais interessados em fontes alternativas.  “Quem for membro da PSN recomendamos que chequem as informações de cartão de crédito para sinais de fraude. Além disso, é prudente que todas as senhas utilizadas na rede PSN sejam trocadas imediatamente”, completa.

A Sony admitiu que todos os tipos de dados do usuário tornou-se disponível para um atacaque desconhecido. Alguns dos detalhes pessoais à disposição de cibercriminosos incluem nome, endereço, e-mail, data de nascimento, login e senha. A companhia não informou quanto sua rede online estará disponível novamente, mas afirma que estão recontruindo-a e submentendo-a a auditorias internas.

Fonte: Decision Report

cofre_digital1

Posted in:

Deixe uma resposta