NFe do Brasil organiza série de cursos sobre gestão fiscal estratégica

No dia 18 de novembro, a NFe do Brasil, do grupo TBA, promoverá em São Paulo um curso sobre a Escrituração Fiscal Digital do PIS/Cofins, obrigatória a partir do próximo ano.

Trata-se do primeiro de uma série de cursos sobre gestão fiscal estratégica que a TBA está organizando para área financeira, contábil e fiscal das empresas.

O objetivo é ajudar gestores e profissionais das empresas que devem se adaptar ao projeto SPED (Sistema Público de Escrituração Digital) a partir de 2011.

O primeiro curso é direcionado para os bancos e será baseado na exigência da Receita Federal, que prevê a adoção gradativa das empresas à EFD do PIS/Cofins, revela Francisco Lobianco, diretor comercial da NFe do Brasil.

“Em uma série de encontros com profissionais do setor houve uma demanda relevante do assunto e percebemos que existem muitas dúvidas, não só da área fiscal, mas também de CIOs”, comenta.

No dia 25 do mesmo mês, também em São Paulo, o curso será aberto a todos os segmentos de mercado, para abordar questões relacionadas ao prazo para adoção, empresas que estão na lista de obrigatoriedade e nível de detalhamento das informações enviadas ao Fisco.

O ciclo de cursos terminará no dia 9 de dezembro, na capital paulista, com o treinamento SPED Fiscal 2011 – Início/Meio/Fim, que terá como foco as novidades da legislação.

No evento serão esclarecidas dúvidas sobre a obrigatoriedade, prazos e outras particularidades do projeto SPED par ao próximo ano.

Fonte: TI Inside

contingencia_nfe

Posted in:

Deixe uma resposta