SPED Legal facilita apurações para recolhimento de tributos

Com o lançamento da solução SPED Legal, a NFe do Brasil pretende ajudar as empresas a superar um dos problemas mais críticos relacionados à escrituração digital: a inconsistência dos dados enviados para o Fisco, que acarreta multas e autuações.

Mas o SPED Legal tem por objetivo também facilitar as apurações para o recolhimento de tributos.

O sistema realiza a auditoria das informações fiscais e contábeis armazenadas no ERP da empresa que irão gerar o SPED. Em uma segunda etapa, é feita a configuração genérica para as apurações e emissão das obrigações.

Na sequência, as informações são carregadas para o cruzamento de dados com as mais de 1.400 regras de auditoria embutidas no sistema. Só então são gerados os arquivos digitais finais que serão enviados aos órgãos responsáveis.

Desenhada para oferecer alto desempenho no processo de auditoria, a solução é capaz de realizar a análise de mais de 12 milhões de registros em apenas dez minutos.

A solução roda na plataforma Microsoft e atende às instruções normativas SRF86 e INSS 12; ao convênio ICMS 57/95 do Sintegra (Sistema Integrado de Informações sobre Operações Interestaduais com Mercadorias e Serviços) e ao FCONT (Controle Fiscal Contábil de Transição).

A NFe comercializa o SPED Legal no tradicional modelo de licença de uso ou como serviço (SaaS).

Fonte: TI Inside

 

Posted in:

Deixe uma resposta